Divulgue.biz

Entrar ou Cadastre-se

Pato Branco

Para ajudar em sua busca por "Pato Branco", trazemos informações como endereço, telefone, mapa e outras informações que consideramos importantes sobre "Pato Branco"

Encontramos "1098" empresas e negócios relacionados a "Pato Branco"

  1. Ideal Car Comercio Automoveis Ltda

    Av Tupi, 4117

    Área de atuação: Automóveis - Agências e Revendedores

    PR › Pato Branco › Serviços

  2. Clinica De Cirurgia Plastica Doutor Haroldo Queiroz

    Av Brasil, 674

    Área de atuação: Clínicas de Cirurgia Plástica

    PR › Pato Branco › Serviços

  3. Pizzaria O ComilÃo

    R Xingu, 267 - lj-267

    Área de atuação: Ortopedia - Ap

    PR › Pato Branco › Serviços

  4. EletrÔnica Guarani

    R Guarani 503

    Área de atuação: Aparelhos Eletrônicos - Conserto

    PR › Pato Branco › Serviços

  5. Eletronica Chicoski

    R Guarani, 1320

    Área de atuação: Aparelhos Eletrônicos - Conserto

    PR › Pato Branco › Serviços

  6. Festas E Festas

    R Jacireta, 232 - qd-38 lt-11

    Área de atuação: Festas - Art

    PR › Pato Branco › Serviços

  7. Velas Milenium

    R Pedro Detoni 245

    Área de atuação: Velas de Cera ou Parafina

    PR › Pato Branco › Serviços

  8. ClÍnica RadiolÓgica Sudoeste

    R Pedro Ramires de Mello 361

    Área de atuação: Clínicas de Radiologia

    PR › Pato Branco › Serviços

  9. Lm LocaÇÕes

    Rod BR-158, 11450

    Área de atuação: Tendas

    PR › Pato Branco › Serviços

  10. Receita Federal

    R Aimoré

    Área de atuação: Receita Federal

    PR › Pato Branco › Serviços

Conheça um pouco mais da cidade "Pato Branco"

PATO BRANCO PARANÁ Monografia - nº 106 Ano: 1967

As primeiras penetrações no território do atual Município de Pato Branco datam de 1839, quando ali chegou o bandeirante curitibano Pedro de Siqueira Côrtes, chefiando uma expedição ao sul da 5ª Comarca da Capitania de São Paulo, e descobriu os Campos de Palmas. Os primeiros moradores de Pato Branco vieram do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, em 1919.

Em 1924 já estava formada uma povoação com o nome de Vila Nova de Clevelândia. Novas levas de agricultores e colonos continuaram a chegar ao povoado contribuindo para o aumento. A localidade foi elevada à categoria de distrito judiciário, em 1927, com o nome Bom Retiro.

Em 1928 iniciaram-se os trabalhos de medição e demarcação dos primeiros lotes destinados aos agricultores e colonos que continuavam afluindo, atraídos pela fertilidade das terras e facilidade de aquisição. A partir de 1935 foram-se estabelecendo os primeiros profissionais liberais. A localidade continuava progredindo até que, em 1947, foi elevada a distrito e, em 1951, à categoria de Município.

A denominação atual, de Pato Branco, deve-se ao rio de igual nome que banha o Município. Na primeira década do século passado (1900/10), na fazenda denominada São Francisco de Sales, hoje parte dos municípios de Mariópolis e Clevelândia, estabeleceram-se no sudoeste do Paraná as primeiras famílias vindas do Rio Grande do Sul. Uma dessas famílias, tinha um cidadão conhecido como João Arruda, um dos primeiros desbravadores da região. As primeiras roças foram feitas às margens do rio Chopim por João Arruda, que denominou um de seus afluentes como rio do Pato Branco, por ter abatido um pato selvagem de cor branca nas margens desse rio. Com o passar do tempo passou ficou conhecido como rio Pato Branco. Mais tarde, quando o governo do Paraná criou a Colônia Bom Retiro com o fim da guerra do Contestado, em terras hoje do municío de Pato Branco, surgiu uma pequena vila original e um novo aglomerado surgiu e logo ficou conhecido como Vila Nova. Na década de 1930 o governo federal, considerando o desenvolvimento da região sudoeste, criou uma linha telegráfica Ponta Grossa-Barracão, passando por Guarapuava e Clevelândia. O posto telegráfico de Clevelândia foi instalado às margens do rio Pato Branco/rio Chopim. A gente da colônia achava muito longe ir até aquele posto telegráfico e decidiu lutar para trazê-lo para Bom Retivo/Vila Nova, o que conseguiu em 1938. Mas o ramal telegráfico do (rio) Pato Branco, nunca Bom Retiro/Vila Nova. A partir de 1938, os cartórios foram aos poucos registrando em seus documentos o nome Pato Branco, deixando de lado Bom Retivo/Vila Nova. Enão quando pela lei nº 790, de 14 de novembro de 1951, o governo do Paraná criou o município, e registrou como Pato Branco, como vinha sendo conhecida a Colônia Bom Retiro/Vila Nova.

Formação Administrativa

O distrito foi criado pela Lei n.° 2, de 10 de outubro de 1947. Pela Lei estadual n.° 790, de 30 de outubro de 1951, foi elevado à categoria de Município, com território desmembrado do de Clevelândia. A instalação deu-se em 14 de dezembro de 1952.

Ficou constituído dos distritos judiciários de Coxilha Rica, Dois Vizinhos, Verê, Vargem Bonita e Bom Sucesso, sendo este último administrativo. Em 1960 perdeu os distritos de Vargem Bonita, Dois Vizinhos e Verê, para formarem novos municípios. Pela Lei municipal n.° 27, de 30 de dezembro de 1961, sofreu reformulação administrativa com a criação do distrito de Itapejera, 0 qual, em 1964, juntamente com 0 de Coxilha Rica, foi desmembrado para constituir o Município de Itapejara d'Oeste. Atualmente conta com os distritos de Pato Branco (sede) e Bom Sucesso.

A comarca foi criada por Lei estadual n.° 1.542, de 14 de dezembro de 1953, e instalada a 24 de abril do ano seguinte. Atualmente é comarca de 3.ª entrância.

Fonte: IBGE